Aquivos por Autor: Alexandre de Freitas

Sobre Alexandre de Freitas

Graduado e pós-graduado em ciências humanas, professor na educação básica e superior.

Mudança de endereço do site

Prezados leitores, este site está mudando de endereço! Fizemos uma sutil reforma e optamos por uma plataforma gratuita de publicação. Mas continuamos com o melhor da Geografia, História, Memória e Arte que envolvem em especial a cidade de São José … Continuar a ler

Publicado em Uncategorized | Comentários fechados em Mudança de endereço do site

Lembranças de pandemias, notícias da gripe espanhola há 36 anos.

Publicado em Informações | Comentários fechados em Lembranças de pandemias, notícias da gripe espanhola há 36 anos.

O misticismo e o sobrenatural em alguns lugares de Rio Preto.

O que chamamos hoje de ciência trata-se basicamente de uma interpretação de mundo com métodos e técnicas próprios que começaram a se configurar mais estruturadamente a partir do Renascimento. Extensões e interpretações subjetivas do mundo figuram entre os entendimentos mais … Continuar a ler

Publicado em Cultura | Comentários fechados em O misticismo e o sobrenatural em alguns lugares de Rio Preto.

Meu recado a você. Seção de recados em jornais.

Na década de 1980 em São José do Rio Preto, muito jovens se comunicavam pelos jornais. O jornal Diário da Região era o preferido, ali tinha a seção Meu recado a você. Apesar do espaço ser usado por pais e … Continuar a ler

Publicado em Memória | Comentários fechados em Meu recado a você. Seção de recados em jornais.

Pioneiros da medicina em Rio Preto. O Dr. Fritz Jacobs.

Fritz Jacobs foi um médico alemão que atuou na cidade de São José do Rio Preto nas primeiras décadas do século XX. O médico nasceu na Alemanha, na cidade de Hildeshein, na baixa Saxônia, veio para o Brasil com 15 … Continuar a ler

Publicado em Ciências Humanas | Comentários fechados em Pioneiros da medicina em Rio Preto. O Dr. Fritz Jacobs.

Os exilados da Unesp/Ibilce de Rio Preto.

Alguns nomes podem cair no esquecimento, os motivos são vários… o próprio tempo pode apagar a relevância de uma vida. A Unesp de Rio Preto tem uma história rica, grandes acadêmicos da instituição contribuíram com a produção científica a nível … Continuar a ler

Publicado em Ciências Humanas | Comentários fechados em Os exilados da Unesp/Ibilce de Rio Preto.

Córregos que secaram em São José do Rio Preto. Um afluente do Piedadinha que secou.

A urbanização de uma localidade vem acompanhada de muitas agressões ambientais, uma delas está relacionada aos impactos aos recursos hídricos, seja em forma de contaminação, assoreamento, mortandade de peixes e até mesmo o fim do curso d’água. As áreas de … Continuar a ler

Publicado em Ciências Humanas | Comentários fechados em Córregos que secaram em São José do Rio Preto. Um afluente do Piedadinha que secou.

Passado e presente próximo à rodoviária de Rio Preto. As modificações paisagísticas.

Os lugares urbanos sofrem transformações devido principalmente à dinâmica econômica que impacta nas configurações espaciais. Às vezes um local é tão modificado que custa a identificarmos ele no passado. Num exercício de imaginação, se de Rio Preto saísse uma pessoa … Continuar a ler

Publicado em Ciências Humanas | Comentários fechados em Passado e presente próximo à rodoviária de Rio Preto. As modificações paisagísticas.

Morte de cachorros em Rio Preto em 1912.

Valores e costumes se alteram no tempo e no espaço, o que em uma determinada época parece correto e aceitável em outra pode ser um horror ou algo totalmente reprovável. No ano de 1910, na cidade de São José do … Continuar a ler

Publicado em Ciências Humanas | Comentários fechados em Morte de cachorros em Rio Preto em 1912.

Engenheiros do início do século XX em Rio Preto.

Possivelmente o engenheiro mais famoso que fez história em Rio Preto foi o Dr. Ugolino Ugolini, ele teve importantes participações em obras como a famosa estrada do Tabuado, o primeiro traçado da cidade, o cemitério da Ercília, idealizou linhas de … Continuar a ler

Publicado em Ciências Humanas | Comentários fechados em Engenheiros do início do século XX em Rio Preto.