concurso-educação

A importância da educação formal para a economia dos países.

bett-brasil-educar-2016

Educadores e economistas em muitas de suas análises apontam que para um país se desenvolver a educação formal é de muita importância. Em uma resenha feita por Érica Fraga do livro Roots of Brazilian Relative Economic Backwardness, mais uma vez ficou claro a necessidade do investimento sério em educação.

Um fato interessante é que no começo do século XIX países ex-colônias como Austrália, Nova Zelândia e Canadá tinham renda per capita inferior a do Brasil, foi no decorrer do século XIX e início do século XX que o país não acompanhou o o desenvolvimento econômico à semelhança dos países supracitados.

A resenha expõe que:

Segundo os cálculos de Rands, a disponibilidade de capital humano e físico (como máquinas e equipamentos) responde por cerca de 90% das diferenças de renda per capita entre os países analisados. E, entre os dois fatores, o capital humano tem o papel mais relevante1.

O autor do livro, apesar de dar destaque à educação, dialoga com as teorias sobre o fato do Brasil ser historicamente um país agroexportador e isso interessar a uma elite que se beneficia com isso, traz também algumas análises sobre a industrialização que seria importante para o desenvolvimento, mas que no caso brasileiro isso não ocorreu da forma esperada.

Leia a a resenha na íntegra…

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...